Venha Visitar o Museu da Vida Marinha de Ubatuba/SP Durante o Feriado Prolongado, e Fazer uma Viagem no Tempo da Vida Oceânica!

Venha Visitar o Museu da Vida Marinha de Ubatuba/SP Durante o Feriado Prolongado, e Fazer uma Viagem no Tempo da Vida Oceânica!

Museu conta com diversas atrações, entre elas réplicas de gigantes marinhos que habitaram os nossos oceanos, e esqueletos de animais da atualidade

Que tipo de animais habitaram nossos oceanos há milhões de anos? Quais são as principais espécies de animais marinhos que ocorrem na região do litoral norte de São Paulo? Quais são as principais ameaças que assolam a vida marinha? Se você tem essa, e muitas outras perguntas sobre a vida nos oceanos, não pode deixar de visitar o Museu da Vida Marinha em Ubatuba, litoral paulista, durante esse feriado prolongado.

O Museu convida o visitante a uma verdadeira viagem no tempo, proporcionando uma experiência única e inesquecível. Além de todo o conhecimento adquirido durante o circuito no Museu, a estrutura ainda fica localizada em frente à praia do Perequê-Açú, propiciando ao público um contato direto com o ambiente marinho; potencializando a sensação de “estar” no mar em todo o trajeto entre as salas temáticas. O circuito é guiado pela equipe do Museu, composta por biólogos que compartilham saberes oceânicos aos visitantes durante a visita.

Museu da Vida Marinha fica em frente à praia do Perequê-Açu, em Ubatuba/SP.
(Créditos: Felipe Domingos/Instituto Argonauta)

Entre as atrações do Museu da Vida Marinha, está o espaço temático de impactos, que conta com a “Caverna dos Ossos” – que não, não é o “trono de ferro” da série “Game Of Thrones” – e foi construída inteiramente com ossos de animais marinhos, como golfinhos, baleias, pinguins e tartarugas-marinhas que morreram, muitas vezes, em razão do contato com seres humanos – seja por meio da pesca acidental, da interação com petrechos de pesca descartados irregularmente ou mesmo com resíduos no ambiente marinho.

“Caverna dos Ossos” também compõe o espaço temático de impactos, e foi construída inteiramente com ossos de animais marinhos. (Créditos: Felipe Domingos/Instituto Argonauta)

Estrutura

O Museu da Vida Marinha também dispõe de um auditório multiuso, que é aberto ao público em geral para ações como palestras, workshops, e salas temáticas. Também há sanitários e espaços que contemplam inteira acessibilidade, além de salas administrativas, departamento financeiro e salas de educação ambiental.

Agora, o Museu conta com uma brinquedoteca, um ponto de conveniência do Madallena Café com diversas opções de salgados, sucos, cafés, salada de frutas, bolos e doces, e um playground infantil. Tanto o ponto de conveniência, como o playground e a brinquedoteca estão localizados na área de visitação gratuita do Museu da Vida Marinha, que é aberta ao público em geral.

A sede do Museu foi projetada pela equipe de arquitetos da Terramare sob o conceito de construção sustentável, utilizando estruturas reaproveitadas de contêineres doados pela empresa Log-In Logística Intermodal e uso de madeira reflorestada e telhados verdes.

O material que compõe o acervo é proveniente dos 27 anos de funcionamento e pesquisa do Aquário de Ubatuba, e do Instituto Argonauta. O Museu da Vida Marinha é um projeto criado pelo Aquário de Ubatuba para dar suporte financeiro ao Instituto Argonauta, garantindo assim a continuidade dos trabalhos praticados há anos pela organização.

O Museu estava instalado dentro do Aquário, mas foi ampliado e transferido para a base do Instituto Argonauta, em terreno cedido pela Prefeitura Municipal de Ubatuba, no bairro Perequê-Açu em Ubatuba/SP.

Serviço

O Museu tem entrada gratuita para os moradores de Ubatuba, mediante cadastro que deve ser realizado presencialmente na bilheteria, com a apresentação dos seguintes documentos:

Documento pessoal com foto;

Endereço de residência;

Comprovante de moradia fixa – no qual será aceito um dos seguintes documentos: RG de Ubatuba; Título eleitoral de Ubatuba; CNH de Ubatuba; Carteira de trabalho, ou holerite de Ubatuba; Carteira Profissional de Classe de Ubatuba; documento escolar dos filhos, como: carteirinha da escola; boletim ou comprovante de matrícula.

Maiores de 60 anos e crianças até 6 anos acompanhadas de um adulto pagante também terão acesso livre, mediante apresentação de documento de identidade.

Atualmente, funciona diariamente (de segunda a domingo), das 10h às 18h. O valor do ingresso é R$21,00, com meia entrada (R$10,50) para estudantes até 17 anos com carteirinha, estudantes universitários com documento, professores com carteirinha e menores de 12 anos.

Para agendamento de escolas e grupos especiais entrar em contato pelo telefone: (12) 38335789.

O Museu da Vida Marinha @museudavidamarinha está localizado na Avenida Governador Abreu Sodré, 1067 – Perequê-Açu, Ubatuba/SP.

Para saber mais consulte o site: https://institutoargonauta.org/projetos/museu-da-vida-marinha/

Sobre o Instituto Argonauta

@institutoargonauta foi fundado em 1998 pela Diretoria do Aquário de Ubatuba @aquariodeubatuba.oficial e reconhecido em 2007 como OSCIP (Organização da Sociedade Civil de Interesse Público). O Instituto tem como objetivo a conservação do Meio Ambiente, em especial a conservação dos ecossistemas costeiros e marinhos. Para isso, apoia e desenvolve projetos de pesquisa, resgate e reabilitação da fauna marinha, educação ambiental e resíduos sólidos no ambiente marinho, entre outras atividades. O Instituto Argonauta também é uma das instituições executoras do Projeto de Monitoramento de Praias da Bacia de Santos (PMP-BS).

Seja um Argonauta!

Venha conhecer o Museu da Vida Marinha @museudavidamarinha, na Avenida Governador Abreu Sodré, 1067 – Perequê-Açu, Ubatuba/SP, aberto diariamente.

Para acionar o serviço de resgate de mamíferos, tartarugas e aves marinhas, vivos debilitados ou mortos, entre em contato pelos telefones 0800-642-3341 (horário comercial) ou diretamente para o Instituto Argonauta: (12) 3833.4863 – 3833.5789/ (12) 3834.1382 (Aquário de Ubatuba) / (12) 3833.5753/ (12) 99705.6506 e (12) 99785.3615 – WhatsApp.

Também é possível baixar gratuitamente o aplicativo Argonauta, disponível para os sistemas operacionais iOS (APP Store) e Android (Play Store). No aplicativo, o internauta pode informar ocorrências de animais marinhos debilitados ou mortos em sua região, bem como informar ainda problemas ambientais nas praias, para que a equipe do Argonauta encaminhe a denúncia para os órgãos competentes.

Conheça mais sobre o nosso trabalho em: www.institutoargonauta.orgwww.facebook.com/InstitutoArgonauta e Instagram: @institutoargonauta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *