Programa de Inovação Aberta e Aceleração de Foodtechs Abre Inscrições para Ciclo de 2023

Programa de Inovação Aberta e Aceleração de Foodtechs Abre Inscrições para Ciclo de 2023

Criado em 2021, o TechStart Food Innovation tem como propósito escalar foodtechs e acelerar seus projetos e soluções, transformando-as em scale-ups

As inscrições para o TechStart Food Innovation 2023, programa de inovação aberta e aceleração da Venture Hub, estão abertas, anuncia a empresa. O programa é destinado à startups com foco em soluções digitais para cadeia de alimentos e que tenham passado pelo processo de validação inicial do projeto, com equipes estruturadas e com pelo menos um Mínimo Produto Viável (MVP) testado e validado no mercado. Neste ano, dentre os temas que a jornada trabalhará, estão Desperdício e SustentabilidadeNovas formas de consumo, segurança e distribuiçãoBig Data, predição e informações de mercado; e Novos ingredientes (biodiversidade), produtos e processos. Esta será a terceira edição do programa, que foi criado em 2021. As inscrições podem ser feitas até o dia 17 de março no site do TechStart Food Innovation.

Com o propósito de atrair e escalar projetos e tecnologias de foodtechs, o programa visa proporcionar para as participantes conexões, recursos e infraestrutura para as startups conseguirem desenvolver os seus modelos de negócios e identificar oportunidades de parcerias. Para isso, a jornada oferece vantagens exclusivas para as foodtechs, tais como interação com os especialistas de inovação da Venture Hub, conexão com representantes do ecossistema aberto de inovação, acesso a recursos, infraestrutura e modelos em plataformas de inovação da indústria de alimentos e oportunidades de networking.  

No total, 16 startups foram graduadas pelo TechStart Food Innovation, com foodtechs recebendo propostas de investimento, enquanto outras criaram vínculos e fortaleceram parcerias com organizações.

O propósito do TechStart é ajudar no desenvolvimento das startups, que elas começem a ganhar escala e que tenham um crescimento real no desenvolvimento de suas soluções e, principalmente, em seu negócio”, explicou Maurício Duran, coordenador de Programas de Aceleração da Venture Hub.

Nosso objetivo é fazer com que elas atinjam esse crescimento significativo e que estejam preparadas para escalar ainda mais, tornando-se scale-ups”, complementou o coordenador.  

Entre fevereiro e março, serão realizados eventos online para apresentar o programa de aceleração e para tirar as dúvidas dos interessados em se inscrever para esta nova edição. Os eventos também terão a participação de startups que foram aceleradas pelo TechStart Food Innovation, abordando a experiência com o programa. 

Estrutura do programa

O TechStart Food Innovation está estruturado em duas etapas, Warm Up e Hardwork, respectivamente. A partir das informações preenchidas no formulário, que pode ser respondido até o dia 17 de março, a Venture Hub fará uma seleção das startups que se destacaram no período de inscrição. As selecionadas serão convidadas a participar da fase Warm Up, com duração de 9 semanas. 

Nessa fase, as foodtechs aprovadas serão apresentadas a conteúdos, atividades e ferramentas focadas em evolução modelo de negócios, proposta de valor, funil de vendas e preparação para investimentos, além de participarem de encontros presenciais e online. Os materiais que serão utilizados ao longo do Warm Up foram testados internamente e são compostos por metodologias e modelos criados para atender as necessidades do empreendedor e de sua equipe.  

No final dessa jornada de 9 semanas, a Venture Hub realizará uma nova seleção, para a etapa TechStart Hardwork, com início previsto para julho. As aprovadas para a jornada de aceleração, baseada em inovação aberta, terão ao longo de 4 meses e meio mentorias com especialistas de inovação da Venture Hub e representantes do ecossistema, participação em eventos e workshops, conteúdos sobre patenteação, desenvolvimento tecnológico, captação de investimento e tração, dentre outros conteúdos e recursos que irão impulsionar o desenvolvimento das foodtechs.

O objetivo é desenvolver nas startups a capacidade de resolver seus desafios e os problemas dos clientes de forma cíclica – criando, definindo, testando, observando os resultados, capturando mais dados, analisando e entendendo, desenvolvendo mais um pouco – com agilidade e sempre retornando ao mercado para validação, a partir do conceito de Lean Startup. 

As startups podem esperar um acompanhamento muito próximo [no decorrer da jornada], em que elas irão trabalhar de maneira individual cada um de seus desafios, sempre com muito conteúdo. Além de participarem do programa de inovação aberta e aceleração, as startups também farão parte desse grande ecossistema aberto de inovação, que permitirá que elas criem conexões reais e que consigam crescer realmente”, ressaltou o coordenador da Venture Hub. 

Ao final da jornada do TechStart Hardwork, as startups da vertical participarão de Demo Days, em que apresentarão ao público, possíveis investidores e representantes de empresas as soluções que desenvolveram para as dores e desafios do setor.

Vantanges do programa

Ao participarem do programa TechStart, as startups participantes estarão inseridas no ecossistema de inovação aberta da Venture Hub, composto por diversos atores, incluindo empresas, institutos de pesquisa, startups, investidores, CEOs e especialistas em inovação e tecnologia. 

Além disso, as startups também terão acesso à plataforma VH Academy e ao espaço coworking da Venture Hub, poderão acessar recursos e infraestrutura para o desenvolvimento de MVPs e POCs, networking com diferentes atores e conexão com investidores e fundos de investimento, entre outras exclusividades. 

Inscreva-se: https://bit.ly/3HaT4Lc 

A Venture Hub é uma aceleradora de startups e uma parceira de inovação para corporações, institutos de pesquisa e tecnologia e empresas dos mais diversos tamanhos, atuando nas seguintes verticais: Food, Agro, Logística e Saúde e Longevidade. Com as nossas metodologias ágeis, dinâmicas, eventos, ferramentas de inovação e parceiros de ecossistema, ajudamos as organizações a encontrarem soluções criativas e práticas para os seus maiores desafios, trazendo resultados reais e elevando o protagonismo do time interno.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *